29/09/2010

Muda.

Image and video hosting by TinyPic


Olhos vendados,coração palpitando, esmorecimento de questões racionais, alegria transbordando e perceptivelmente lisonjeada, fico a esperar. E, quando de fato, posso ver tais esperados vislumbres, me perco na quantidade de amor refletida por um único ser. Tantos sentimentos bons, te atigem logo no lugar mais bonito e mais requintado. Quando tal sentimento se perpetua e evolui do abstrato para o concreto, vejo tal encanto e sua capacidade perante as transformações. Movida pela irracionalidade, e perdendo o controle de minhas ações, me rendo. E quando enfim, posso abrir tais olhos vendados, percebo que o tempo ja voou e nenhuma das atuais supresas conseguem ter o mesmo efeito sintilantemente como em lembranças lonjinquas, resultadas de relaçõs incertas, passageiras e duvidosas. Sem escolhas, ela se rendia por um romance, que na verdade, nem sabia onde iria dar, apenas, pelo fato do mesmo, vislumbrar horizontes mais dotados de amor, a primeira vista, quando na verdade, não sabia ela, que a ilusão a tomava conta do final do túnel. E depois de se deparar com tais maus desfechos e o lugar mais requintado ser ocupado por um vazio imenso, peito oco e nenhum sinal de vibração, que ela se dá conta da imensurável fé que tinha, pra arrastar aquele amor como fazia. E assim como sempre fez, resolveu que ia mudar. Se alguém um dia perguntar aonde estar aquela menina das histórias de happy ending cinderelesco, diga que foi passear, diga que foi conhecer outras melhores histórias pra contar.

Nenhum comentário:

COMENTE AQUI!

O que achou do post?

GAROTA DA BOSSA
ALL RIGHTS RESERVED 2014 ©
feito por Madu Negrini