03/01/2011

Ao novo ano



E 2011 chega, cheio de esperança, renovação, trazendo alegria, prosperidade, com muitos desejos de melhoras, pra vida de muitos. Melhoras pro mundo, pra aquela tristeza que sempre queria molestar e voltar a bater a minha porta, a todas essas coisas ruins que nunca saíram de mim. Chegar, pra apagar todas aquelas memórias desagradáveis que me atordoavam em 2010. Esquecer todos os vestígios de sofrimento, noites mal dormidas e uma variedade de importunações ofensivas. Só levar além das vivacidades, os momentos bons. O resto, que fique lá, naquele ano, que agora, denominamos como velho. Comecei o ano, melhor que o passado. Com um pé na loucura, e o outro na estrada, viajei na madrugada, fui numa praia, pra lá, florecer alguma alegria, pra começar esse ano bem. Vivi, sorri, criei boas histórias pra contar e boas lembranças também. Desejo, que esse ano seja marcante favoravelmente, assim como esses meus primeiros dias. Que tenha muito amor, até o final. Todas as formas de amor. Desejo que seja um ano de paz, com menos guerras, menos problemas. Que seja dotado de uma esperança, que cumpra o seu papel, de nunca morrer. Que eu seja mais paciente com o tempo e com as pessoas circundantes. Menos efusiva também, não deixando de ter sempre um pensar precipitado antes de qualquer mera ação, descuidada. Que eu seja feliz, que aprenda com cada dificuldade que aparecer no meu caminho. Que me supere. Que seja o melhor que eu possa ser. Que eu aprenda muito com os outros, e tenha o que ensinar também. Que eu faça novas amizades, e conserve aquelas, que considero tão especial. E que no final desse ano, que eu esteja aqui, relatando e sintetizando todo o ano maravilhoso, que espero ter. A todos, desejo um Feliz Ano novo!

Um comentário:

  1. Opa...obrigada pelos votos de um feliz 2011 e lendo este texto só posso desejar o mesmo a você.
    que seja sim, um ano de grandes transformações e momentos especiais! :)

    ResponderExcluir

O que achou do post?

GAROTA DA BOSSA
ALL RIGHTS RESERVED 2014 ©
feito por Madu Negrini